Você sabe cuidar bem do seu blindado?

12 de dezembro de 2017
Publicado por: Thalita

Para que os benefícios da blindagem sejam garantidos por mais tempo, é preciso ter cuidados especiais e dar uma atenção maior ao tempo de revisão e manutenção do veículo, já que, com o peso aumentado, o desgaste dos pneus, freios e de todo o conjunto de suspensão é maior.

 

O primeiro passo é escolher uma oficina que tenha certificado do Exército e seja autorizada a reparar carros blindados.

Uma revisão completa verifica os seguintes itens:

 

  • Forrações internas soltas;
  • Remoção de ruídos internos provenientes da blindagem;

  • Lubrificação de canaletas e ajustes dos vidros dianteiros;

  • Calibragem dos pneus;

  • Passagem de scanner;

  • Elétrica/reprogramação de sistemas eletrônicos;
  • Verificação de lâmpadas (lanterna, seta, freio, farol etc.);
  • Aumento de potência das máquinas de vidros (para maior segurança nas operações de abertura e fechamento dos vidros elétricos em cancelas, pedágios, guaritas etc.);
  • Funilaria, pintura especializada, polimento e cristalização;
  • Vistoria e laudo de blindagem, para regularização de documentos junto ao Exército e ao Detran;
  • Remoção de infiltrações;
  • Troca de vidros delaminados;
  • Reparos de acabamentos internos e externos;
  • Instalação de sistema run flat para rodas;
  • Substituição de policarbonato e PU;
  • Reblindagem de veículos sinistrados;
  • Redimensionamento das suspensões;
  • Conserto de rodas e instalação de cintas de aço;
  • Revisão e higienização de ar-condicionado;
  • Tapeçaria/colocação de bancos em couro;
  • Troca de molas e amortecedores;
  • Ajustes de portas.

 

Lembre-se: a primeira revisão deve ser feita 60 dias após a entrega do carro e as próximas a cada 6 meses.

Seu blindado precisa de cuidados especiais para continuar oferecendo a segurança que você merece.